Departamento de Comunicação
27/11/2017 - 07:13 - Atualizado em 27/11/2017 - 13:58


Casa do Trabalhador já ofertou mais de 100 vagas em 2 meses de funcionamento

Casa do Trabalhador já ofertou mais de 100 vagas em 2 meses de funcionamento


A Casa do Trabalhador é uma iniciativa da Prefeitura de Paranaíba em parceria com o Governo do Estado que objetiva (re)colocar o trabalhador no mercado de trabalho (seja ele, desempregado ou em busca de nova ocupação). Em 2 meses de funcionamento, a agência já encaminhou cerca de 100 pessoas para entrevistas e empregou 80 pessoas.


Essa intermediação auxilia tanto quem procura como também quem oferece vaga de emprego, de forma a agilizar o preenchimento do cargo de acordo com os requisitos da vaga. A casa ainda oferece orientação de como se portar em entrevistas e a habilitação do seguro-desemprego.



 A gestora do local, Raquel Nunes, afirmou que o empregador pode contar com a agência para participar da intermediação e recrutamento para a vaga de emprego existente na empresa “O empregador fornece o perfil de funcionário que procura e nós buscamos um candidato que cumpra os requisitos necessários para o preenchimento da vaga. Os empresários podem nos procurar, o cadastro de vagas é totalmente gratuito, estamos de portas abertas para recebê-las. ”


Segundo o  Secretário de Indústria e Comércio, Claudio Agi, o espaço também vai fornecer cursos de capacitação  para a população “Algumas empresas solicitam profissionais com mão de obra qualificada e, muitas vezes, não tem no município esses profissionais, então, elas acabam buscando mão de obra em outras cidades. Nós vamos trabalhar agora com a qualificação da população, através de cursos profIssionalizantes.” Completou.  

 

A Casa do Trabalhador está localizada na Rua Rio Branco, nº 1225, Centro. Qualquer pessoa acima de 16 anos, pode se candidatar às vagas ofertadas através de um cadastro que deve ser feito na própria agência. Basta levar os documentos necessários, são eles:
 

- Carteira de trabalho;
- Cartão cidadão;
- Documento de identificação original (deve conter o nome do interessado, filiação, data e local de nascimento, número do documento com órgão emissor e data de emissão – Ex: RG, CNH);
 - CPF.

Geração de empregos - No ranking dos municípios sul-mato-grossenses com mais de 30 mil habitantes, Campo Grande foi o que teve melhor desempenho no Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) de outubro: gerou 574 vagas. Também ganharam postos Dourados (263), Nova Andradina (71), Naviraí (65), Coxim (55), Paranaíba (50), Aquidauana (45), Sidrolândia (41) e Amambai (16).
 

As demissões superaram as contratações em Três Lagoas (-599), Ponta Porã (-57), Rio Brilhante (-57), Maracaju (-42) e Corumbá (-29). (fonte: G1)

Em caso de dúvidas, ligue: (67) 35031005




 


OUTRAS NOTÍCIAS: Indústria e Comércio

09
Jul
2018