Departamento de Comunicação
24/11/2018 - 00:20 - Atualizado em 29/11/2018 - 00:20


Capacitação de Agentes Comunitários de Saúde e Enfermeiros

Capacitação de Agentes Comunitários de Saúde e Enfermeiros


 

Na data do dia 23/11/2018, das 7h as 11h, aconteceu no auditório da UEMS (Universidade Estadual do Mato Grosso do Sul) capacitação dos agentes comunitários de saúde e enfermeiros da atenção básica do município sobre violência doméstica. Ao todo foram capacitados 89 profissionais, com  a participação de convidados da Santa Casa de Misericórdia e da Rede de Enfrentamento a Violência Doméstica contra a Mulher. O evento é resultado da parceria da Secretária Municipal  de Saúde  e a Rede de Enfrentamento.

A Professora Doutora da UFMS Ana Claudia dos Santos  abordou o tema: As diferentes formas de Violência e a humanização do atendimento a vítima de violência doméstica. A Delegada de Atendimento especializado à Mulher,  Eva Maira Cogo da Silva explicou  o tema: Estatísticas do município e do estado do Mato Grosso do Sul quanto a incidência de feminicídio, boletins de ocorrência quanto a violência doméstica. A coordenadora Municipal de políticas públicas da Mulher, Rosemary Bevilagua finalizou o evento falando sobre a ação e implantação da rede de atendimento e enfrentamento a mulher vítima de violência Doméstica em Paranaíba.

Segundo Natalia Ramos, psicóloga do NASF – AB (Núcleo Ampliado Saúde da Família e Atenção Básica), uma das organizadoras do evento, assinalou que “o fenômeno da violência doméstica contra as mulheres abrange vítimas de todas as condições e estratos sociais e econômicos, sendo também os seus agressores de diferentes condições e estratos sociais e econômicos. Para ela, a violência - física, psicológica, sexual, moral e patrimonial – “não poderá, de forma alguma, ser tolerada", por isso a importância de falar, conscientizar e capacitar profissionais e a população do geral, para que todos saibam seus reais direitos e com isso denunciem o agressor, sendo ele esposo, vizinho, conhecido ou não”, afirmou.


OUTRAS NOTÍCIAS: Saúde