Departamento de Comunicação
06/07/2022 - 11:19 - Atualizado em 06/07/2022 - 13:49


Paranaíba busca por inserção de novos projetos assistenciais voltados para mulheres

Paranaíba busca por inserção de novos projetos assistenciais voltados para mulheres


No último dia 28, a cidade de Paranaíba foi representada no Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, em Brasília, na busca de novos projetos assistenciais voltados para mulheres paranaibenses.

 

A reunião ocorreu com o assessor parlamentar do MMFDH, Roberto Carlos Cardoso Caetano, junto com a secretária de Assistência Social, Celina Pereira, acompanhada da Chefe de Gabinete, Jane Paula da Silva; do secretário de Obras, Longuinho Alves de Oliveira; e da secretária de Finanças, Fernanda Queiroz Andrade Marques.

 

Na oportunidade, a Chefe de Gabinete agradeceu a recepção e salientou que o prefeito Maycol Queiroz enviou a equipe por priorizar por políticas públicas de resultados, por este motivo a reunião é tão importante para o conhecimento técnico dos gestores. “Nós nos interessamos pelo projeto ‘Brasil para Elas’ e viemos em busca de mais projetos voltados para as mulheres, como forma de estimular ações que promovam a autonomia econômica da mulher”, disse.

 

O assessor parlamentar apresentou uma série de programas que podem ser implantados sem envolver recursos do Município, sendo necessário apenas a adesão e que a Prefeitura disponibilize a logística para a realização de oficinas e cursos de formação e capacitação. Foram pontuados sobre os programas: “Qualifica Mulher”, “Mães do Brasil”, “Mães Unidas”, “Bem Gestar e Acolher”, “Espaço Maternidade”, “Recanto”, “Agricultura da Vida”, “Mais Mulheres no Poder”, “Salve uma Mulher” e “Pró-Equidade”.

 

A secretária de Assistência Social salientou que os serviços assistenciais em Paranaíba têm sido feitos de maneira satisfatória e que os programas voltados para as mulheres contribuirão para fortalecer ainda mais a rede. “Queremos nossa Secretaria de Assistência Social com diversos programas de atendimento para as mulheres e para os cidadãos de maneira geral. Estes projetos que podem ser desenvolvidos sem envolver recursos serão fundamentais para o acolhimento das mulheres que precisam de renda e autonomia”, finalizou Celina.

 

Além dos programas voltados para as mulheres, o Município também buscou informações junto do assessor parlamentar, sobre programas da Secretaria Nacional da Juventude e da Primeira Infância.

DECOM

Luana Chaves

 

 


OUTRAS NOTÍCIAS: Assistência Social

11
Ago
2022
01
Ago
2022