Departamento de Comunicação
07/08/2015 - 08:44 - Atualizado em 12/08/2015 - 08:37


Rally dos Sertões passa por Paranaíba e surpreende público

Sol escaldante, muito calor, poeira, tempo seco e estradas de terra. Poderia isso ser fatores de bastante adversidade e ingredientes de uma história de muito sofrimento. Seria, não fosse a paixão por estar competindo em um dos mais charmosos e disputados rallys do mundo, o Rally dos Sertões.

Rally dos Sertões passa por Paranaíba e surpreende público


 

Sol escaldante, muito calor, poeira, tempo seco e estradas de terra. Poderia isso ser fatores de bastante adversidade e ingredientes de uma história de muito sofrimento. Seria, não fosse a paixão por estar competindo em um dos mais charmosos e disputados rallys do mundo, o Rally dos Sertões.

 

A edição 2015 passou por Paranaíba nesta quarta-feira (05) e já deixa saudades. Motos, veículos e quadriciclos desbravaram a estrada dos Coqueiros rumo a Três Lagoas, em mais uma etapa da competição, somando 240km. Nomes como o do multicampeão de motos, assíduo representante brasileiro no Rally Paris/Dakar, Jean Azevedo, estiveram por aqui.

 

A receptividade à toda a equipe de apoio e aos diretores de prova foi feita pela Prefeitura de Paranaíba, por meio da Secretaria de Cultura. A organização arrancou elogios dos organizadores, como o diretor da competição Du Sachs, que enalteceu o município e não escondeu a satisfação de ser bem recebido.

 

"A passagem por Paranaíba foi por meio de uma pesquisa da região e vimos que tinha potencial técnico para fazer. Não conhecíamos a cidade, até me arrependo de não ter parado à noite, porque a cidade é muito legal e tem toda a estrutura. Se a prova do ano que vem vier para o sul com certeza incluiremos Paranaíba novamente", prometeu Sachs.

 

A animação do público era um misto de euforia e curiosidade, devido ao inédito espetáculo que foi proporcionado no município. A receptividade do casal, Dorothéa e Diomário Faustino, que cederam a estância Caracu do Ipê para dar a largada aos veículos e um posto de descanso à equipe de trabalho, foi também um dos pontos positivos que mostraram o cartão de visitas da cidade aos apaixonados pelo Rally.

 

Três helicópteros faziam a segurança dos competidores. Várias equipes faziam a vistoria das vias, para que nenhuma intempérie impedisse que a competição continuasse. A equipe de apoio explicou que muitos se deslocaram antes para conversar com produtores, a fim de que a pista estivesse sem tráfego de qualquer veículo que não fossem os do Rally.

 

A competição, que denota o quanto o Brasil é grande, mostra também, ironicamente, o quanto o mundo é pequeno. Uma das competidoras do Rally dos Sertões é Claudia Grandi, irmã da servidora pública do judiciário da comarca local, Maria Luiza Grandi (Malu), que desta vez também está nos auxílios. Claudia é uma apaixonada por Rallys, e com seu marido, está participando da edição 2015.

 

"Gosto muito, fico muito feliz de participar, o que para mim já é normal, porém estou muito feliz por passar em Paranaíba. Fiquei emocionada com a faixa (de homenagem, posta próximo à saída dos veículos), de ver os amigos aqui, pela Malu morar aqui, fiquei muito feliz mesmo. É uma paixão participar do Rally, seja navegando ou pilotando para mim sensação melhor que tem", disse Claudia.

 

A prova às vezes tem alguns imprevistos, alguns acidentes, no entanto, não tem sido adversidade nenhuma para Cláudia. "Até agora não tive nenhum problema, sou jipeira também e jipeiro quanto pior melhor, para o rally nem tanto, mas até agora não vi dificuldade nenhuma", concluiu.

 

Para a secretária de Cultura, Ruth Marcela de Souza Ferreira, o desejo é tornar Paranaíba o ponto de chegada da competição do ano seguinte. "Seria muito legal contarmos coma chegada em nossa cidade, com uma grande festa para os competidores. Fizemos nossa parte, agora manteremos a esperança de trazê-los novamente em 2016", concluiu.

 

Estiveram presentes também na oportunidade, o prefeito, o vice-prefeito, os vereadores Heliomar Cangussu (Baixinho) e Adriano Caçula, além da secretária de Indústria e Comércio, Luciana Cristina.

 


OUTRAS NOTÍCIAS: Cultura