Departamento de Comunicação
28/08/2015 - 16:50 - Atualizado em 14/09/2015 - 18:43


Prefeitura corta at dirias de servidores, mas mantm repasse a entidades

A crise que assola a economia nacional tem prejudicado sobremaneira os municpios do pas, que tm sofrido com queda de arrecadao, receita, menor repasse federal do FPM (Fundo de Participao dos Municpios) e todos os reflexos negativos evidentes na recente histria do Brasil.

Prefeitura corta at dirias de servidores, mas mantm repasse a entidades


A crise que assola a economia nacional tem prejudicado sobremaneira os municípios do país, que têm sofrido com queda de arrecadação, receita, menor repasse federal do FPM (Fundo de Participação dos Municípios) e todos os reflexos negativos evidentes na recente história do Brasil.

 

Em Paranaíba não tem sido diferente e pensando em manter os compromissos, pagar as contas e também fechar folhas de pagamento, o prefeito anunciou medidas austeras e de economia na gestão municipal: corte de diárias a todos os servidores, corte de combustíveis e gratificações.

 

Entretanto, o prefeito garantiu que as entidades assistenciais e as instituições continuarão a receber o repasse e não serão afetadas por essas medidas. “Não temos o que fazer a não ser tomar essas medidas. Estamos em uma profunda crise econômica e todos nós teremos que cortar na carne para que o município continue a caminhar, ainda que com dificuldades. Porém, os repasses às entidades não serão alterados”, afirmou.

 

Só este ano, em oito meses a Prefeitura repassou à Câmara Municipal de Paranaíba R$ 2.744.969,68 (dois milhões, setecentos e quarenta e quatro mil, novecentos e sessenta e nove reais e sessenta e oito centavos). À Santa Casa de Misericórdia os valores chegam a 1.618.354,40 (um milhão, seiscentos e dezoito mil, trezentos e cinqüenta e quatro reais e quarenta centavos).


OUTRAS NOTÍCIAS: Governo