Departamento de Comunicação
29/09/2015 - 15:51 - Atualizado em 30/09/2015 - 08:01


Defensoria Pública construirá primeiro prédio próprio no estado

Prefeitura doou área e escritura foi entregue na manhã desta terça-feira

Defensoria Pública construirá primeiro prédio próprio no estado


Pela primeira vez em Mato Grosso do Sul uma Defensoria Pública do estado terá sede própria construída e será em Paranaíba. A Prefeitura Municipal doou a área e a escritura foi repassada na manhã desta terça-feira (29), na presença ilustre do defensor público-geral do estado Luciano Montalli.

 

A oportunidade contou ainda com a participação da diretora geral da defensoria no estado, Darlene Maria Gonçalves Batistas Cavalcante, dos defensores públicos locais, Danilo Augusto Formagio, Gustavo Peres de Oliveira Terra e Andrew Robalinho da Silva Filho – defensor licenciado e atual secretário de Governo do município -, do vice-prefeito Fredson Freitas e secretários municipais.

 

Para Montalli, o novo prédio significa efetivação da autonomia administrativa e funcional da defensoria pública em prol da população.

 

“Muitas pessoas desconhecem o papel da defensoria, que é atender o hipossuficiente. Então com a identidade marcada e remarcada fica mais fácil para população identificar e procurar a defensoria para seu atendimento. Com o novo prédio a defensoria pode receber melhor a população, os defensores terão melhores condições de atuação e cumpriremos o mandamento constitucional que prevê que o serviço deve ser prestado com eficiência”, ponderou.

 

De acordo com o defensor, basta apenas resolver o projeto arquitetônico, de engenharia elétrica e hidráulica. Montalli salientou que a licitação já está em andamento e a construção deve começar o mais rápido possível. “Hoje temos comarcas com sede própria, alugadas, esta seria a primeira efetivamente própria da defensoria publica do Mato Grosso do Sul”, concluiu.

 

Presente no dia-a-dia da defensoria em Paranaíba, o defensor Danilo explicou que diariamente o atendimento chega a cerca de 60. “A defensoria vem em um crescimento contínuo, temos atendimento diário muito grande, muitas pessoas no procuram. Onde estamos instalados é um lugar reduzido, precisamos de um maior. Será a primeira sede construída do estado e isso é motivo de muito orgulho e com certeza vamos ampliar e dar condições aos assistidos e um atendimento digno”, afirmou.

 

Conforme o vice-prefeito Fredson Freitas, a defensoria tem um importante papel na sociedade, uma vez que atende os mais necessitados de forma gratuita. “Existe uma grande demanda a ser atendida pela defensoria e nada mais digno que tratar a população carente de forma digna e respeitosa. E não há dúvidas que esta nova sede virá ao encontro dessas necessidades”, concluiu.


OUTRAS NOTÍCIAS: Governo