Departamento de Comunicação
22/04/2015 - 13:41 - Atualizado em 22/06/2015 - 13:41


Presidente da Latasa prev incio das construes para julho em Paranaba

Empresa deve gerar mais de 500 empregos entre diretos e indiretos, diz presidente

Presidente da Latasa prev incio das construes para julho em Paranaba


A esperança de maior geração de empregos em Paranaíba ganhou na tarde da última quarta-feira (15) mais um importante capítulo. O presidente e proprietário da Latasa, Mário Fernandes, visitou o município e, em uma reunião no gabinete do prefeito de Paranaíba, esclareceu dúvidas e mostrou, em forma de slides, quais foram os passos até o momento dados para a construção da unidade da Recicla BR – uma das empresas do grupo – e as próximas etapas a serem concluídas.

 

O local, no parque industrial, foi doado pela Prefeitura juntamente com o governo do estado. Em posse da área, Mário explicou o que já foi feito, em um cronograma mensal exposto a secretários, vereadores e vice-prefeito. Na cronologia, Mário salientou que, em julho do ano de 2014, foram feitos estudos preliminares; em setembro, houve a liberação do terreno; outubro foi mês de contratação de licenciamento ambiental e readequação da área; em novembro, a Latasa contratou a Construtora Clark, para fazer a topografia e sondagem do solo e dezembro foi mês de contratar projeto de arquitetura do local.

 

Todos os passos dados pela Latasa, em exposição feita pelo presidente, contaram com contratos em anexo, para reforçar o compromisso da empresa. Em 2015, Mário explicou que janeiro foi mês de conclusão dos projetos de arquitetura, de legalização e execução da obra; março foi protocolizado o licenciamento prévio; maio será iniciada a terraplanagem da área, serão feitos os projetos estrutural, elétrico e hidráulico; junho terão início as contratações e julho está previsto o início das obras.

 

“Vejo como de suma importância mostrar o que já fizemos e pretendemos fazer em termos de investimentos. É importante também que todos aqui conheçam a seriedade da Latasa. Vimos em Paranaíba uma cidade estratégica, com logística e isso será bem aproveitado. Creio que em um ano e meio já teremos concluído esta obra”, disse Mário.

 

As maquetes foram também expostas pelo presidente da Latasa. O projeto encanta em termos estruturais. Questionado sobre a quantidade de empregos, Mário afirmou que serão aproximadamente 100 diretos, porém com indiretos ele acredita que chegará a mais de 500. A Recicla BR é apenas uma das empresas do grupo e é voltada para a reciclagem de alumínio e é considerada das maiores do Brasil. Segundo ele, a expansão é claramente viável e trata-se de um objetivo claro da empresa. “É possível que instalemos também as outras indústrias do nosso grupo e é uma meta que temos”, concluiu.

 

Até o momento, a Latasa já investiu cerca de R$ 500 mil. Até o final do ano, a estimativa é de R$ 5 milhões, porém o investimento total deve chegar a até R$ 30 milhões, segundo Mário Fernandes.


OUTRAS NOTÍCIAS: Governo