Departamento de Comunicação
14/04/2015 - 14:14 - Atualizado em 22/06/2015 - 14:14


Moradores do Jardim das Paineiras recebem documento de regularização de imóveis

Moradores do Jardim das Paineiras recebem documento de regularização de imóveis


A Prefeitura de Paranaíba entregou, no último domingo (12), o termo de outorga e permissão de uso de bem público a 44 moradores da rua Limeira, no Jardim das Paineiras. Este documento permite que os proprietários dos lotes deste local regularizem a posse do imóvel, com a escritura no cartório.

 

Uma das beneficiadas foi a dona Jerônima Ferreira Neta, moradora do bairro há mais de 20 anos. “Para mim é muito bom, eu vivo sozinha, é mais segurança. A gente nem acreditava que isso iria acontecer mais, mas aconteceu e eu estou muito feliz, não tenho do que reclamar da Administração porque tudo o que eu dependi, fui atendida", elogiou.

 

Maria Luzia da Silva, aposentada, também é moradora da rua Limeira. "Hoje é um dia muito feliz, nós esperávamos isso há muito tempo, há mais de 20 anos. Já estávamos bem e agora ficaremos melhor. Não tenho nem palavras para agradecer", frisou.

A mesma alegria foi compartilhada por João Batista Alves Ferreira, vigilante reformado. "Eu acho que essa regularização era uma coisa muito esperada e ficamos mais confiantes. Em nome de Jesus, Deus e a Prefeitura providenciaram e nós conseguimos. Ficamos muito contentes com esse presente", disse o morador.

 

A dona de casa Genivalda Cristina Costa Marcílio também estava muito satisfeita com a regularização de sua casa. "Demorou, mas chegou. Todos daqui esperavam por isso. Vai melhorar agora, com certeza. O trabalho da Prefeitura está muito bom, muito organizado".

 

De acordo com a arquiteta Lívia Mignoli Barbai, essa foi a primeira rua do Jardim das Paineiras a ser regularizada e, nos próximos meses, será a vez das outras ruas. "Esse documento entregue hoje a este 44 moradores significa que eles podem procurar o cartório e passar o imóvel para o seu nome".

 

Ela ainda explica que o loteamento Eldorado já existia, porém não desta forma. "Nós tivemos que entrar com uma retificação desse loteamento, por isso esse processo demorou um pouquinho, mas agora já saiu a rua Limeira que já era existente no loteamento original e as próximas ruas sairão daqui a 60 dias porque elas não eram existentes. Então nós tivemos que criar quadras, lotes e fazer as doações", concluiu.


OUTRAS NOTÍCIAS: Governo