Departamento de Comunicação
17/02/2017 - 12:37 - Atualizado em 17/02/2017 - 15:36


Agehab apresenta programa Lotes Urbanizados.

Agehab apresenta programa Lotes Urbanizados.


A partir do dia 02 de março estarão abertas, na Secretaria Municipal de Assistência Social, as inscrições para o programa Lote Urbanizadas em Paranaíba. Os interessados terão 30 dias para realizarem as inscrições.

Ontem (16), a secretária Adjunta de Habitação, Ilídia Aparecida Miglioli Sokoloski juntamente com o analista de programas habitacionais da AGEHAB, Willyan de Oliveira da Silva, apresentaram o projeto Lote Urbanizado para os moradores da cidade. O Encontro ocorreu na quadra de esportes da Escola Municipal Major Francisco Faustino Dias.

Ela detalhou o projeto que tem por finalidade atender famílias com renda de até 5 salários mínimos e que não tenham sido beneficiados em nenhum Programa Habitacional Federal, Estadual e Municipal.

O Projeto Lote Urbanizado será realizado em etapas e por meio de parcerias entre a Agência de Habitação Popular de Mato Grosso do Sul (Agehab), município e cidadãos, onde cada uma das partes terá suas responsabilidades.

A Agência de Habitação Popular será responsável por subsidiar a construção da fundação de uma residência até o contrapiso, fossa séptica e o sumidouro, que será a primeira fase da construção e terá um prazo de seis meses para a implantação.

Já o Município parceiro será responsável pela doação do terreno regularizado perante o cartório, com o devido licenciamento ambiental, dotado de infraestrutura básica com água, energia, arruamento e iluminação pública.

 A prefeitura também irá prestar assistência técnica ao selecionado, a qual consistirá em acompanhar a execução da 2ª etapa da obra, por intermédio de, no mínimo, um profissional responsável técnico pela execução da obra e de um mestre de obra, para orientar a autoconstrução.

As famílias interessadas no projeto deverão se inscrever no Sistema Online de Inscrição da Agehab e, após a seleção, os beneficiários receberão o material para construção, tendo que concluir a 1 e 2ª fase em seis meses.  E, somente com a conclusão da construção da moradia, que a mesma poderá ser habitada.

De acordo com a secretaria adjunta de habitação o programa ganhou premio pelo sistema de seleção virtual. “Não tem dedo, não adianta ser amigo do prefeito, sobrinho do vice, parente de secretário ou vereador. É o sistema que seleciona”, afirmou Ilidia Miglioni. 

(foto RC - Depto de Imprensa)


OUTRAS NOTÍCIAS: Assistência Social

11
Set
2019
14
Ago
2019
07
Ago
2019