Departamento de Comunicação
27/04/2021 - 16:14 - Atualizado em 27/04/2021 - 16:41


Paranaíba terá mais R$ 10 milhões para investir em canalização de córregos

Paranaíba terá mais R$ 10 milhões para investir em canalização de córregos


A Administração Municipal de Paranaíba comemora a conquista de R$10 milhões de recursos de bancada que serão utilizados para canalizar córregos. Além dos R$ 10 milhões de recursos próprios a serem investidos em diversos setores, a cidade está entre 10 das 15 com maior número de habitantes do Estado que não receberam emendas impositivas dos deputados federais e senadores e, que será atendida pela bancada Federal em parceria com o Governo do Estado.

 

O recurso será destinado mediante apresentação de projeto da obra estruturante ao Governo do Estado, que, por sua vez, repassará ao Governo Federal. A parceria foi anunciada nesta segunda-feira, 26, durante videoconferência com o governador Reinaldo Azambuja, três senadores e oito deputados federais de Mato Grosso do Sul.

 

O prefeito Maycol Queiroz agradeceu o recurso e explicou a escolha pela canalização dos córregos. “Eu quero agradecer muito este recurso, vai ser muito útil e bom para Paranaíba e vocês serão lembrados. Eu vou investir tudo em canalização, pois há 39 anos, desde o governo Marcelo Miranda Soares, está parado. Vai ficar na história a continuação destes canais”, disse.

 

Dois engenheiros já avaliaram as condições dos canais e confirmaram que o valor destinado atenderá cerca de 70% dos três córregos que necessitam da canalização, sendo a continuidade do Córrego Fazendinha, Cabeceira do Aterro e Estiva.

 

 “Nós temos o canal trapezoidal, aos fundos do Carnaíba, de aproximadamente 300 metros; temos também há 100 metros da Prefeitura um canal que começou no mandato do prefeito meu avô Moacyr Queiroz, em 95, e falta 140 metros, ou seja, há 25 anos está parado; e temos a continuidade do Córrego Fazendinha”, elencou.

 

Segundo exposto na reunião remota, a parceria com o Governo do Estado foi uma estratégia encontrada pelos representantes da esfera federal para garantir investimentos importantes que atendam mais municípios do Estado. Devido a uma regra que limita o número de cidades a serem beneficiadas com emendas de bancada, o recurso será destinado ao governo estadual, que vai licitar as obras escolhidas pelos próprios prefeitos e ainda dar uma contrapartida.

 

O governador Reinaldo Azambuja destacou a importância da parceria da classe política para viabilizar o montante e afirmou que mesmo os municípios que não forem contemplados com esse recurso serão beneficiados com obras do Estado. 

 

“Esse atendimento passa pela bancada federal e essa unidade mostra que quando a gente dialoga consegue, conjuntamente, resolver problemas. Queremos que os prefeitos possam ver os projetos que são estruturantes de cada cidade. Nós sabemos que têm cidades com projetos que são vitais para melhorar a infraestrutura. Os outros municípios, que não estão contemplados, não precisam se preocupar porque também estamos desenhando investimentos nessas cidades, com a parceria que mostra que valeu a pena ter capacidade e fazer gestão fiscal.”, afirmou o governador.

 

O coordenador da bancada, senador Nelsinho Trad, destacou que esses investimentos só serão possíveis por conta da harmonia da bancada, que teve a maturidade de deixar eventuais diferenças político-partidárias de lado. “Isso só foi possível porque o governador Reinaldo Azambuja e a bancada federal deram mais uma demonstração de união para beneficiar a população sul-mato-grossense”.

 

Além do governador Reinaldo Azambuja, do secretário de Estado de Infraestrutura, Eduardo Riedel e do senador Nelsinho Trad, participaram da videoconferência as senadoras Simone Tebet e Soraya Thronicke, os oito deputados federais por Mato Grosso do Sul, dentre eles o Deputado Federal Dagoberto Nogueira e demais prefeitos das cidades beneficiadas.

 

Luana Chaves

DECOM

(Com informações de Paulo Fernando -SubCom Governo do Estado)


OUTRAS NOTÍCIAS: Governo